Oscar 2011 pela internet brasileira

28 02 2011

O Universo E! traz agora a repercussão da maior festa do cinema pelos portais brasileiros de internet:

UOL – O Discurso do Rei e A Origem são os grandes vencedores da noite

TERRA – O Discurso do Rei é o grande coroado da noite com melhor filme

IG – O Discurso do Rei é o vencedor do Oscar

R7 – Oscar: O Discurso do Rei é o grande vencedor da noite

G1 – O Discurso do Rei vence filme, ator, diretor e roteiro no Oscar

ESTADÃO – Natalie ganha melhor atriz

UNIVERSO E! Fraca cerimônia premia o fraco O Discurso do Rei

Anúncios




Fraca cerimônia premia o fraco O Discurso do Rei

28 02 2011

E chega ao fim mais um Oscar.

As estatuetas foram diluídas entre todos os indicados. O Oscar 2011 teve dois grandes vencedores com 4 prêmios: O Discurso do Rei e a garnde surpresa da noite e que merecia muito mais do que isso, A Origem, de Christopher Nolan. Mas já é alguma coisa ele figurar entre os mais premiados da noite.

De toda forma, A Rede Social veio logo atrás, vencendo três categorias e O Vencedor, Alice no País das Maravilhas e Toy Story 3 com dois prêmios cada. O reconhecimento da Academia pelo excelente trabalho realizado por Natalie Portman em Cisne Negro.

E pela primeira vez, o Universo E! fez sua cobertura completa através do perfil no Twitter: www.twitter.com/universo_e.

É isso aí! A partir de agora, começa para valer o ano 2011 do Cinema!





Maratona Oscar 2011

24 02 2011

Queria ter um pouco mais de tempo para comentar detalhadamente os filmes que tenho assistido por conta da aproximação do Oscar 2011. Tive tempo apenas de comentar O Vencedor, mas as análises pararam por aí.

Mas para não deixar o Universo E! parado nessa época tão movimentada resolvi escrever breves comentários sobre os filmes recentemente vistos e que estão concorrendo ao Oscar. Vamos lá!

LIXO EXTRAORDINÁRIO – O documentário faz jus ao nome e nos mostra o quanto extraordinário pode ser o lixo manuseado sabiamente. O documentário, uma produção britânica-brasileira, relata o trabalho do artista plástico brasileiro e de renome internacional, Vik Muniz.

O resultado final desse trabalho é todo proveniente do Aterro Metropolitano do Jardim Gramacho, o maior aterro sanitário do mundo em quantidade de lixo recebido por dia. Tantos os produtos aparentemente sem valor, e transformados em verdadeiras obras de arte, as fotografias, os personagens e suas histórias são provenientes do Jardim Gramacho. Uma verdadeira lição de vida.

Se no início essa dura realidade parece não afetar (e muito menos entristecer) a vida de milhares de catadores que trabalham no local, basta conhecerem outra realidade (participando desse projeto) para obterem uma nova perspectiva da vida e uma nova oportunidade para um novo recomeço. Brilhante!

O DISCURSO DO REI – Produção britânica concorrendo na categoria de melhor filme relata a dificuldade de um herdeiro do trono da Grã-Bretanha em dominar a gagueira e se tornar um fator de unificação de todos os domínios da Inglaterra em tempos de guerra. Não tendo assitido Minhas Mães e Meu Pai e Inverno da Alma, considero esse o mais fraco entre os indicados.

Uma narrativa que empolga apenas em certos momentos, não sendo capaz de manter o interesse do espectador em sua totalidade, e só empolga quanto o ator Geoffrey Rush ocupa a telona com seu carisma. Fora isso, O Discurso do Rei tem uma históra sem propósito desconsiderando a obviedade presente no título.

CISNE NEGRO – O franco favorito até aqui! Cisne Negro acompanha toda a pressão que a bailarina vivida por Natalie Portman sofre desde que é escalada para viver os dois papéis principais da obra O Lago dos Cisnes – o Cisne Branco e o Cisne Negro – até a derradeira apresentação de estreia da nova temporada do show.

Forçada ao máximo e pressionada por todos os lados: a obsessão de sua mãe (ex-bailarina e que abandonou a carreira para criar a filha), a pressão sofrida pelo diretor para que ele se afaste da zona confortável de representar o Cisne Branco e incorporar não só no palco, mas na vida, as características do Cisne Negro e a inveja do restante do elenco para ocupar o papel de destaque de Natalie Portman.

Conforme o dia da estreia se aproxima, a narrativa ganha mais velocidade – acompanhada ferozmente pela trilha sonora – e profundidade (ganhando ares de um thriller de ballet), até alcançar o ápice do longa e do show. Fantástico!

127 HORAS – Esse é o típico filme que se o ator não for bem escolhido, ele pode estragar completamente o projeto – seja bom ou ruim – do longa. Mas 127 Horas não sofreu com esse erro ao contar com o carisma de James Franco (o próximo apresentador do Oscar) que encarna muito bem o aventureiro inconsequente Aron Ralston.

A narrativa e a performance de James Franco não deixam nunca a emoção do longa cair de nível. Isso somado ao ótimo trabalho de direção de Danny Boyle, a assinatura musical de A. H. Rahman (dupla essa reponsável pelo Quem Quer ser um Milionário?) e a ótima fotografia.

Corta a alma acompanhar a agonia solitária de Aron em meio aos canyons americanos. E é uma proeza contar uma história dessas com extrema habilidade e sem tornar o filme tedioso.





COBERTURA COMPLETA: Globo de Ouro 2011

16 01 2011
AS ATUALIZAÇÕES MAIS RECENTES SERÃO AS PRIMEIRAS. PORTANTO, A ORDEM DE LEITURA SERÁ DE BAIXO PARA CIMA

– Michael Douglas apresentando os indicados a melhor filme drama. E A RedEe Social ganha mais um Globo de Ouro.

– Chegou a vez de Sandra Bullock para apresentar os indicados para melhor ator drama. O vencedor é Colin Firth por O Discurso do Rei.

– Enquanto isso no Twitter… Globo de Ouro domina o trend topics mundial.

– Alice, Burlesque, Red passam batidos.  O Globo de Ouro dessa categoria para The Kids are All Right.

– A dupla dinâmica de Toy Story – Tom Hanks e TimAllen sobem ao palco para apresentarem os indicados a melhor filme comédia/musical.

– Vamos agora para as indicadas a melhor atriz defilme drama. E a ganhadora é: Natalie Portman por O Cisne Negro.

– Joseph Gordon-Levitt apresenta A Origem, que concorre a melhor filme drama. O favorito do Universo E!

– Mas o prêmio vai para Paul Giamatti por Minha Versão para o Amor.

– Halle Berry chega ao palco para apresentar os indicados a melhor ator de filme musical/comédia.  Com o Johnny Depp concorrendo por dois papéis ( O Turista e Alice).

– O Cisne Negro apresentado por Alicia Keys, concorrendo a melhor filme drama.

– Vamos para os indicados a melhor série musical/comédia: a grande vencedora é Glee, desbancando as favoritas Modern Family e The Big C.

– O caldo começa a engrossar.Os indicados para melhor direção: o grande vencedor é David Fincher por A Rede Social.

– Uma prévia de O Turista, concorrendo a melhor filme musical/comédia.

– Globo de Ouro homenageia Robert de Niro com trechos dos filmes que ele participou.

– A vez de Jeremy Irons apresentar as indicadas a melhoratriz de filme drama: vence The Fighter com Melissa Leo.

– Nada melhor para comemorar a renovação por três temporadas do que esse prêmio não?

– Os indicados a melhor ator de série musical/comédia.Apresentados por Kaley Cuoco, de The Big Bang Theory, que entrega o prêmio  para o seu colega Jim Parsons.

– O presidente dos EUA de The Event, Blair Underwood, anuncia a vencedora de melhor atriz de série musical/comédia. O prêmio sai para The Big C: Laura Linney, que não estava presente na cerimônia.

– Hellen Mirren nos apresenta um dos indicados amelhor filme drama: O Discurso do Rei.

– Robert Pattinson fica incumbido de apresentar os indicados a melhor filme estrangeiro.Dinamarca vence com In a Better World.

– Por mais que não gostem de Glee, tem que se admitir que os dois prêmios dessa noite foram merecidos.

– O Capitão América, Chris Evans, apresenta as indicadas a melhor atriz coadjuvante para séries, mini-série e filme para TV. E a honra vai para Jane Lynch de Glee. A série mantem a sua aura de sensação do momento, arrebatando prêmios ainda no seu segundo ano. E a febre Glee ainda não acabou.

– Steve Carrel e Tina Fey sobem ao palco e nos apresentam os indicados a melhor roteiro. E o Globo de Ouro vai para A Rede Social.

– Zach Efron apresenta mais um indicado para melhor filme musical/comédia:  The Kids All Right.

– Claire Danes sai vencedora por Temple Grandie.

– Depois deles, chegou a vez das indicadas para melhor atriz de filme para TV ou mini-série.

– Todos atentos para ouvir as palavras do mestre Al Pacino.

– Melhor ator de filme para TV ou mini-série. Nessas categorias somos peixes fora d’água. E o Globo de Ouro foi para Al Pacino em You don’t Know Jack.

– Nas palavras de Rick Gervais, vem aíum ícone de Hollywood: Sylvester Stalone para apresentar mais um indicado a melhor filme de drama: The Fighter.

– Robert Downey Jr, melhor ator do ano passado por Sherlock Holmes sobe ao palco para anunciar a melhor atriz de filme comédia/musical: Annete Benning por Minhas Mães e Meu Pai.

– “Vocês eram nascidos quando o primeiro Toy Story estreou?”. O produtor brinca com o cantor ao subir no palco.

– Justin Bieber sobe ao palco para apresentaros indicados a melhor animação. Meu Malvado Favorito, Como Treinar seu Dragão?, O Ilusionista, Enrolados e Toy Story 3. Vencedor:  a continuação do sucesso da Pixar – Toy Story 3.

– O Globo de Ouro de melhor trilha sonora agora. Globo de Ouro vai para A Rede Social. Injusto,  já que Hans Zimmer fez um trabalho excepcional em A Origem.

– Próximo anúncio, a de melhor canção original.E a vencedora é You haven’t seen the last of me de Burlesque.

– Rick Gervais diz que esse é o seu filme favorito.

– Andrew Garfield, que concorre por melhor atorcoadjuvante por A Rede Social, sobe ao palco para apresentar a produção da qual faz parte.

– E em seguida temos os indicados a melhor série drmática. Torcendo para The Walking Dead, mas o Globo de Ouro foi memsopara Boardwalk Empire. Mais um prêmio para a HBO.

– E na categoria de melhor ator de série dramática: Boardwalk Empire, Breaking Bad, Dexter, Mad Men e House estão no páreo. E Globo de Ouro foi para a badalada produção da HBO, Boardwalk Empire, para Steve Buscemi.

– A sumida Michele Pfeiffer vai ao palcopara nos apresentar a Alice no Paísdas Maravilhas.

– Melhor ator coadjuvante de série de TV, mini-Série ou filme para TV. E que surpresa: o prêmio vai para Glee, para Chris Colfer.- Bruce Willis no microfone agora e apresentaruma prévia de seu filme Red que concorre em melhorde comédia/musical.

– De volta dos comerciais, mais uma premiação. A de melhor filme para TV ou mini-série. A favorita The Paificé desbancada por Carlos.

– Começou! Com Rick Gervais fazendo referências a The Walking Dead, a última temporada de Lost.

– Scarlett Johansson sobe ao palco. Primeira premiação é de melhor ator coadjuvante. E o Globo de Ouro vai para o cabeludo Christian Bale por The Fighter (ainda não sei a tradução usada aqui no Brasil).

– A melhor atriz de série dramática: Katey Sagal por Sons of Anarchy.

– Os primeiros artistas já começam a desfilar pelo tapete vermelho de mais uma edição do Globo de Ouro.








PALPITEIRO BRASILEIRO

Campeonato dos Palpiteiros - Temporada 2019

Blog do Renato Nalini

Ex-Secretário de Estado da Educação e Ex-Presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo. Atual Presidente e Imortal da Academia Paulista de Letras. Membro da Academia Brasileira de Educação. É o Reitor da UniRegistral. Palestrante e conferencista. Professor Universitário. Autor de dezenas de Livros: “Ética da Magistratura”, “A Rebelião da Toga”, “Ética Ambiental”, entre outros títulos.

Abraccine - Associação Brasileira de Críticos de Cinema

Site com atividades e informações sobre a associação que reúne profissionais da crítica cinematográfica de todo o Brasil

Sinfonia Paulistana

um novo olhar

%d blogueiros gostam disto: